É preciso fazer faculdade para trabalhar com desenvolvimento de software?

Eu já ouvi essa pergunta de várias formas e vindo de muitas pessoas que estavam tentando migrar de área ou querendo iniciar a sua primeira carreira em TI como desenvolvedores de software. Esse assunto é um tanto polêmico e pode gerar diversos debates em várias áreas, portanto, o que vou escrever é sobre a minha experiência profissional e visão a respeito do assunto hoje, com o objetivo de te ajudar a chegar as suas próprias conclusões.

Eu diria que a resposta curta é “não precisa”, no entanto, tenho visto que muitas empresas ainda criam suas vagas esperando que no seu CV tenha uma graduação completa em TI para se enquadrar e eu posso imaginar diversas razões para isso, mas nenhuma delas tem relação com provar que alguém é capaz de ser um bom desenvolvedor.

Então, para te ajudar a chegar em uma conclusão sobre esse assunto, vamos ponderar os prós e contras de cursar uma graduação inicial em TI e a relação que isto tem com trabalhar com desenvolvimento de software.

Por que não cursar uma graduação?

É um pouco difícil eu falar sobre isso porque sou graduado como Bacharel em Sistemas de Informação e iniciei a minha carreira em TI graças a estar na faculdade também, porém, durante essa mesma graduação, após iniciar um estágio, eu percebi que poderia aprender qualquer conteúdo que um desenvolvedor precisa conhecer para ser bom através de livros, cursos presenciais e online, eventos e prática profissional. Ou seja, eu acredito que qualquer um pode sim aprender e se tornar um bom desenvolvedor estudando e trabalhando sem ter um diploma universitário.

O mais difícil é conseguir um emprego para por em prática os estudos, pois como eu disse, eu percebi isso em um estágio que só consegui porque estava frequentando uma universidade. Então, se você já tem uma oportunidade de trabalhar na área mesmo sem ter faculdade, acredito que não precisa fazer uma para permanecer no trabalho ou mesmo ser promovido e se tornar um excelente desenvolvedor, porque o curso de graduação não é a única e nem a melhor fonte de aprendizado prático que existe.

Neste sentido, você pode achar que é uma perda de tempo investir de 2 à 5 anos do seu tempo e dinheiro fazendo um curso que não vai te ensinar tudo o que você precisa para ser um bom profissional e que, de verdade, você vai aplicar muito pouco das teorias que vai aprender lá na correria do dia a dia.

Por que cursar uma graduação?

Quando eu estava pensando em desistir da graduação procurei conselhos de pessoas que são importantes para mim e me convenceram de que a faculdade era uma oportunidade de eu provar que era capaz de realizar algo difícil do início ao fim e de fazer networking com pessoas que já atuavam na área em que eu queria entrar.

Eu vejo a área acadêmica como uma fonte de estudos teóricos que tem por objetivo abrir a mente dos seus membros para inovar, criar novos conhecimentos e entender o contexto o histórico, aprendendo com as experiências dos outros e experimentando novas teorias na prática, estudando seus resultados em sucessos e fracassos.

Nesse sentido, a graduação nunca vai te fornecer tudo o que você precisa para se tornar um bom profissional porque esse nunca foi o objetivo dela. Ser um bom profissional em qualquer área depende do seu conhecimento teórico, das suas crenças, cultura e outros diversos fatores, mas o mais importante é como você aplica tudo isso na prática e gera valor para uma Organização e impacta a sociedade, e eu acredito que é isso que vai te tornar um “resolvedor de problemas” incrível.

Eu voltei para uma universidade recentemente para estudar mais e me aprofundar sobre autoconhecimento e liderança, por isso acabei entrando em um MBA focado em Gestão de Pessoas. O motivo de eu não ter apenas continuado a ler livros e utilizado os conceitos teóricos na prática do dia a dia como líder de equipe é que eu acredito que compartilhar conhecimento em um local que quer que isso aconteça, te dá ferramentas para se comunicar com outras pessoas e fornece um ambiente com troca de experiências entre estudantes, especialistas, profissionais práticos e teóricos para aprender uns com os outros é um excelente caminho para evoluir pessoalmente e profissionalmente.

Conclusão

Eu acredito que fazer faculdade não é necessário para ser um bom profissional e quando eu faço entrevistas para selecionar alguém para trabalhar comigo não faz a menor diferença se a pessoa é graduada ou não na área, pois eu avalio a pessoa por seus hard e soft skills e eles podem ser adquiridos a partir de outras inúmeras fontes diferentes de uma universidade. No entanto, realizar uma graduação em TI pode te ajudar a abrir portas e a iniciar a sua carreira caso você não esteja conseguindo se colocar no mercado de trabalho sem uma formação acadêmica, e posso dizer que na minha experiência, infelizmente, é uma realidade que muitas empresas filtram o seu CV a partir da sua formação acadêmica.

Eu vejo valor no aprendizado contínuo e cada um sabe o que é melhor para si. Independente de fazer ou não uma graduação em TI, acredito que uma coisa é certa, você não deve parar de estudar e evoluir como desenvolvedor porque a tecnologia evolui rápido e é importante se manter antenado no que está acontecendo ou para acontecer. Além disso, faz muito bem se sentir um pouco melhor a cada dia, olhar para o seu código de um tempo atrás e dizer que está horrível (rs), isso é um sinal da sua evolução. Se você olhar para um código antigo e achar que não tem nada para mudar nele, você provavelmente não está evoluindo como um desenvolvedor.

Não tenho a intenção de te dar uma resposta pronta para decidir se vai ou não cursar uma faculdade, pois a decisão e a vida é toda sua e é você quem deve decidir qual caminho seguir, mas espero que essa pequena reflexão tenha te ajudado a abrir a sua mente para pensar nos prós e contras que ambos os caminhos irão impactar no seu destino.

Gostou? Foi útil? Comenta ai e vamos aprender mais juntos.

Espero ter te ajudado 😉

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s